quarta-feira, 29 de outubro de 2008

A Sabedoria de Einstein - Fazer ou não fazer algo

A Lógica de Einstein

Duas crianças estavam patinando num lago congelado da Alemanha. Era uma tarde nublada e fria, e as crianças brincavam despreocupadas.
De repente, o gelo se quebrou e uma delas caiu, ficando presa na fenda que se formou.
A outra, vendo seu amiguinho preso e se congelando, tirou um dos patins e começou a golpear o gelo com todas as suas forças, conseguindo por fim quebrá-lo e libertar o amigo.
Quando os bombeiros chegaram e viram o que havia acontecido, perguntaram ao menino:

Como você conseguiu fazer isso?
É impossível que tenha conseguido quebrar o gelo, sendo tão pequeno e com mãos tão frágeis!
Nesse instante, o gênio Albert Einstein que passava pelo local, comentou:

- Eu sei como ele conseguiu.
Todos perguntaram:
- Pode nos dizer como?

É simples - respondeu Einstein -não havia ninguém ao seu redor, para lhe dizer que não seria capaz.


Fazer ou não fazer algo, só depende de nossa vontade e perseverança. (Albert Einstein)

Conclusão :
Preocupe-se mais com sua consciência do que com sua reputação. Porque sua consciência é o que você é, e sua reputação é o que os outros pensam de você.
E o que os outros pensam, é problema deles
.
...

Se dá muita importância a reputação, em troca disso se aceita mentir, se ensina a mentir, a camuflar, a escamotear, inclusive as nossas emoções - menino não chora! - e em função disso escutamos muitos NÃOS na infância, juventude e assim por diante.

Temos um potencial imenso do qual não nos utilizamos. Um potencial inclusive emocional. Boas emoções geram bons frutos. Educar sobre as emoções permite a criança de tornar um adulto feliz e competente.

Um comentário:

anderson disse...

Fantástico! É incrível o que conseguimos fazer quando ninguém diz que não somos capazes. Por isso devemos acreditar em nós mesmos.